Fórumcast #19
23 de julho de 2018, 19h40

Nova pesquisa mostra Lula com 41% em MG e jornalista se assusta: “assombroso”

Raquel Faria, colunista do jornal 'O Tempo', se mostrou impressionada com o resultado da pesquisa do Instituto Doxa que aponta Lula como líder isolado nas intenções de voto dos mineiros

Lula. Foto: Reprodução/Facebook Lula

O crescimento da popularidade de Lula, mesmo após mais de três meses preso, segue assustando jornalistas da imprensa tradicional. Neste domingo (21), foi divulgada uma nova pesquisa do Instituto Doxa que aponta Lula com 41% das intenções de voto para a presidência em Minas Gerais – índice bem maior que a soma das intenções de voto em todos os outros candidatos.

Raquel Faria, colunista do jornal O Tempo, mostrou que ficou impressionada e escreveu um artigo sobre a pesquisa intitulado “Assombroso”.

“Não há outro termo para resumir os resultados da recente pesquisa presidencial do Instituto Doxa em Minas: um assombro. Preso em Curitiba e virtualmente inelegível, Lula abriu frente de dez pontos sobre todos os seus adversários e já vence com folga no 1º turno. É a primeira pesquisa registrada a mostrar Lula acima dos 40 pontos e com ampla maioria das intenções de voto no Estado”, escreveu a colunista, que ainda projetou mais crescimento do ex-presidente nas pesquisas.

“Se os dados são indicativos de uma tendência, as próximas pesquisas devem encher a bola do ex-presidente”, pontuou.

Veja também:  Lula: "Se bater Dallagnol e Moro no liquidificador, o suco não dá 10% da minha honestidade"

A mesma pesquisa do Instituo Doxa apontou ainda a ex-presidenta Dilma Rousseff liderando as intenções de voto entre os mineiros com 20% da preferência do eleitorado. Os entrevistados também foram perguntados sobre qual candidato seria “a segunda escolha” para o Senado e, ainda assim, Dilma manteve a liderança.

Nas redes sociais, internautas ironizaram a “surpresa” da jornalista com relação ao crescimento de Lula na pesquisa. “Assombroso é ele estar preso em função de um processo claramente persecutório. Esses números são a desobediência civil”, escreveu um usuário do Twitter.

Confira a repercussão.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum