Núcleo duro de Bolsonaro já trata Moro como ingrato por não proteger Flávio

Ex-juiz manifestou preocupação com a decisão de Toffoli de suspender investigações do Coaf

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo desta quarta-feira (7), parte do núcleo duro do governo está com um pé atrás com o ex-juiz e ministro da Justiça, Sérgio Moro.

O ex-juiz conversou com o ministro Dias Toffoli, do STF (Supremo Tribunal Federal), sobre o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras). Toffoli decidiu suspender investigações do órgão feitas sem autorização judicial.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

A medida beneficiou diretamente o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro, envolvido com o escândalo dos “laranjas” do seu ex-assessor e motorista Flávio Queiroz.

Moro não deu declarações, mas falou por intermédio do presidente do Coaf, Roberto Leonel, que é ligado a ele e deu entrevista criticando Toffoli.

O ex-juiz da Lava Jato se limitou a manifestar ao presidente do STF preocupação com a decisão, que poderia colocar em risco mecanismos de combate à lavagem de dinheiro.

Para integrantes do governo, Moro tenta reverter a medida e mostra que é ingrato: Bolsonaro, ao contrário dele, colocou todo o peso de sua credibilidade a favor do ex-juiz depois do escândalo das conversas vazadas.

O presidente, dizem, chegou a levá-lo a um jogo do Flamengo sem estar seguro de como o público reagiria.

As afirmações de assessores refletiriam a contrariedade do próprio Bolsonaro, que não tem gostado nem um pouco do seu ministro da Justiça estar atrapalhando a vida do próprio filho.

 

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.

Em 2021, escolha a Fórum.

Todos os dias Fórum publica de 80 a 100 matérias desde às 6h da manhã até à meia-noite. São 18h de textos inéditos feitos pela equipe de 10 jornalistas da redação e também por mais de três dezenas de colaboradores eventuais.

E ainda temos 3 programas diários no YouTube. O Fórum Café, com Cris Coghi e Plínio Teodoro, o Fórum Onze e Meia, com Dri Delorenzo e este editor, e o Jornal da Fórum, com Cynara Menezes. Além de vários outros programas semanais, como o Fórum Sindical, apresentado pela Maria Frô.

Tudo envolve custos. E é uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Por isso, neste momento que você está renovando suas escolhas e está pensando em qual site apoiar neste ano, que tal escolher a Fórum?

Se fizer isso, além de garantir tranquilidade para o nosso trabalho, você terá descontos de no mínimo 50% nos cursos que já temos em nossa plataforma do Fórum Educação.

É fácil. Clique em apoiar e escolha a melhor forma de escolher a Fórum em 2021.

Renato Rovai
Editor da Revista Fórum

APOIAR