Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
09 de abril de 2019, 11h56

“O descaso da prefeitura é pago com vidas”, diz Freixo sobre temporais no Rio

O deputado disse ainda que “não dá para chamar isso de fatalidade”, se referindo ao caos vivido pela cidade e às vítimas fatais

Marcelo Freixo - Foto: Mídia Ninja

O deputado federal Marcelo Freixo (PSOL-RJ) responsabilizou o imobilismo e incompetência da administração do prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB-RJ), sobre as consequências das fortes chuvas que atingiram o município na madrugada desta segunda-feira (8).

Freixo acusa a prefeitura de não ter investido em urbanização. “Em 2017, o orçamento era R$ 342 milhões, mas Crivella investiu apenas R$ 41 milhões. Em 2018, dos R$ 388 milhões, só R$ 125 milhões foram aplicados”, afirmou o deputado.

O deputado disse ainda que “não dá para chamar isso de fatalidade” e que, infelizmente, “mais uma vez, o descaso da prefeitura é pago com vidas”.

“Toda solidariedade às vítimas das chuvas no Rio. Tragédias se repetem e a prefeitura continua s/ investir em urbanização. Em 2017, o orçamento era R$ 342 milhões, mas Crivella investiu apenas R$ 41 milhões. Em 2018, dos R$ 388 milhões, só R$ 125 milhões foram aplicados.”

“Mais uma vez, o descaso da prefeitura é pago com vidas. Marcelo Crivella não investiu um centavo este ano em contenção de encostas e em obras de drenagem. Não dá para chamar isso de fatalidade.”

Imobilismo e incompetência

O Rio de Janeiro não gastou um centavo na manutenção da drenagem urbana da cidade e na contenção de encostas da execução orçamentária da prefeitura.

Durante todo o verão, a antiga Secretaria de Conservação e Meio Ambiente (Seconserma), não autorizou (empenhou) novas despesas entre janeiro e o início de abril. Os R$ 8.297.106,09 pagos para as empreiteiras contratadas para os serviços de drenagem quitaram apenas faturas por serviços prestados principalmente no ano passado. O temporal que deixou três mortos na cidade é o terceiro registrado em 2019.

Em coletiva, na manhã desta terça-feira, o próprio prefeito reconheceu atraso, imprudência e falta de previsão diante do caos provocado pelo temporal.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum