domingo, 27 set 2020
Publicidade

Obcecado por Marcela Temer, Noblat diz em tuíte que “sai uma primeira-dama formosa e entra outra”

Obcecado por Marcela Temer desde que Michel Temer assumiu o poder por meio do golpe parlamentar, em 2016, o jornalista Ricardo Noblat, ex-O Globo e atual Veja, mostrou que deve seguir com o comportamento misógeno e machista no próximo governo.

Em tuíte publicado nesta quinta-feira (22) com fotos de Marcela e da futura primeira-dama, Michelle Bolsonaro, Noblat comentou: “Nem tudo é retrocesso. Sai uma primeira-dama formosa e entra outra também formosa”.

Aos 69 anos, o veterano jornalista se destacou por bajular Marcela durante o período em que Temer está no poder. Em entrevista de seis meses do governo Temer para o programa Roda Viva, da TV Cultura, em novembro de 2016, Noblat virou meme por ter, nos momentos finais do programa gravado no Palácio do Planalto, perguntar: “Temer, como você conheceu a Marcela?”

Ele também publicou uma série de tuítes tendo Marcela como personagem. Em um deles, escreveu: “Com todo respeito: quem conquistou dona Marcela não se deixa abater por nenhuma dificuldade”, durante o período de votação do processo de impeachment de Temer no Congresso.

Em outro, mostrou sua obsessão. “Eu e dona Marcela temos algo em comum: o cachorrinho que ela salvou do afogamento é irmão de ninhada do meu. O que isso significa? O que isso significa? Nada”, tuitou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.