Fórumcast, o podcast da Fórum
23 de abril de 2019, 09h44

Olavo de Carvalho usa publicação de filhos de Bolsonaro para rebater alcunha de “inimigo do governo”

Olavo usou tuíte de Carlos e Eduardo Bolsonaro para responder nota oficial do pai, Jair Bolsonaro, sobre ataques que tem feito a membros do govermo

Olavo usou tuíte de Carlos e Eduardo Bolsonaro para rebater nota do pai, Jair Bolsonaro, sobre ataques que tem feito a membros do govermo (Reprodução)

A nota divulgada por Jair Bolsonaro (PSL) condenando as declarações do astrólogo Olavo de Carvalho contra integrantes do governo, não surtiram o efeito desejado nem mesmo no clã. Após a divulgação do texto, Olavo foi às redes no fim da noite desta segunda-feira (22) e compartilhou uma publicação de Carlos Bolsonaro, compartilhada por Eduardo Bolsonaro, em sua defesa.

Leia também: Assessor especial de Bolsonaro sai em defesa de Olavo de Carvalho e o compara a Silvio Santos

Na postagem, os filhos de Bolsonaro dizem que o guru da família é “uma gigantesca referência do que vem acontecendo há tempos no Brasil”.

“Desprezar isto só tem três motivos: total desconhecimento, se lixando para os reais problemas do Brasil ou acha que o mundo gira em torno de seu umbigo por motivos que prefiro que reflitam”, dizem o 02 e 03 do clã Bolsonaro.

Ainda em sua defesa, na manhã desta terça-feira (23), Olavo compartilhou publicação de Silvio Grimaldo, olavete que atuou como assessor especial do Ministério da Educação e foi o primeiro a denunciar o “expurgo” dos doutrinados do guru da pasta durante a gestão Ricardo Vélez-Rodriguez.

Na publicação, Grimaldo diz que Olavo está sendo tratado como “inimigo do governo”.

“O vice pode criticar o presidente em público, mas um eleitor não pode criticar o vice sem receber uma NOTA OFICIAL de inimigo do governo? É isso mesmo, produção?”, indaga o olavete.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum