Fórumcast, o podcast da Fórum
31 de dezembro de 2018, 12h55

Onyx Lorenzoni usou dinheiro público para bancar viagens durante a campanha de Bolsonaro

Braço direito de Bolsonaro e futuro ministro da Casa Civil usou R$100 mil em verbas da Câmara para bancar voos durante a campanha do presidente eleito; uso da cota parlamentar para fins eleitorais é ilegal

Foto: Presidência da República/Divulgação

Braço direito de Jair Bolsonaro e futuro ministro chefe da Casa Civil, o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) usou dinheiro público para bancar viagens durante a campanha do presidente eleito.

De acordo com apuração feita pelo jornal Folha de S. Paulo, registros da Câmara dos Deputados mostram que o principal líder da transição de governo, apesar de seu discurso ético e moral, gastou R$100 mil em verbas da Casa para bancar voos durante o período oficial de campanha.

As principais viagens foram entre São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Porto Alegre e Juiz de Fora, cidade onde Bolsonaro sofreu um atentado em setembro.

A verba faz parte da cota parlamentar que os deputados têm para cobrir custos, como viagens, mas o uso é proibido para fins eleitorais.

Apesar do uso indevido, em entrevista, o futuro ministro minimizou e disse que agiu dentro da legalidade. “Eu não tenho que me defender de nada. Está tudo dentro, rigorosamente, dentro da legislação da Câmara dos Deputados. Enquanto congressista e deputado, eu tenho a prerrogativa e direito de andar no lugar do Brasil que eu quiser e eu estava ajudando a construir o que, hoje, nós estamos vivendo: a transição de um novo futuro para o nosso país”, disse nesta segunda-feira (31) durante participação no programa “Timeline”, da Rádio Gaúcha.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum