Fórumcast, o podcast da Fórum
26 de fevereiro de 2019, 08h39

Para Damares, hino nas escolas é obrigatório: “é o resgate das matérias de educação moral e cívica”

Segundo Damares, as filmagens são para "restaurar o patriotismo" e mostrar aos pais, que achariam o ato "bonito". "É para mostrar aos pais que as leis estão sendo cumpridas e mostrar ao Brasil"

Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

Em Genebra, onde participa de encontros na Organização das Nações Unidas (ONU), a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, defendeu nesta terça-feira (26) ao blog do jornalista Jamil Chade a orientação do Ministério da Educação (MEC) de se cantar o hino nas escolas públicas e particulares e a filmagem do ato.

Leia também: Em sessão de Direitos Humanos da ONU, Damares ataca Venezuela e não cita Marielle Franco

“O Ministério da Educação está trabalhando nessa direção, das questões éticas e de cidadania. É mais ou menos o resgate das antigas matérias de educação moral e cívica. E ele começa já”, disse. “Inclui a questão do hino”, comentou.

Segundo ela, cantar o ato de cantar o hino nacional nas escolas é obrigado por lei. “O governo Bolsonaro é um governo da legalidade. É um governo do cumprimento de leis e temos uma lei de 2009 que obriga a execução do hino nacional. Então, o norte desse governo é a Constituição e é a lei. Então, o nosso ministro está simplesmente cumprindo lei”, disse.

Segundo ela, as filmagens são para “restaurar o patriotismo” e mostrar aos pais, que achariam o ato “bonito”. “É para mostrar aos pais que as leis estão sendo cumpridas e mostrar ao Brasil”.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum