Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de fevereiro de 2020, 09h14

PDT quer processar Flávio e Eduardo Bolsonaro por tiro contra Cid Gomes

A principal hipótese cogitada pelo partido é a de citar os irmãos por incitar os policiais do Ceará a um comportamento que descumpre a Constituição, já que as PMs estão proibidas de fazer greve

Cid e Ciro Gomes (Arquivo)

O PDT (Partido Democrático Trabalhista) está estudando a possibilidade de ir à Justiça para questionar as declarações do deputado Eduardo Bolsonaro e do senador Flávio Bolsonaro, a respeito do ataque a tiros sofrido pelo senador Cid Gomes, no dia 19 de fevereiro, em Sobral.

Na ocasião, os filhos do ex-presidente justificaram a ação dos policiais amotinados, e Flávio, colega de Cid, no Senado, chegou a dizer que os tiros foram dados em “legítima defesa”.

Já Eduardo acusou o senador pedetista de “tentativa de homicídio, com dolo eventual”. As declarações foram respondidas pelo irmão de Cid, Ciro Gomes, quem mandou um recado ao filho do presidente: “será necessário que nos matem mesmo antes de permitirmos que milícias controlem o Estado do Ceará como os canalhas de sua família fizeram com o Rio de Janeiro”.

A principal hipótese cogitada pelo PDT é a de citar os irmãos por incitar os policiais do Ceará a um comportamento que descumpre a Constituição, já que as PMs estão proibidas de fazer greve.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum