Ouça o Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de março de 2018, 13h53

Pertence critica mídia e diz que defende a Constituição e não Lula

“Não trato do paciente, nem de suas qualificações, nem, se sua biografia. O que se pretende é a reafirmação do princípio constitucional básico da presunção de inocência”, apontou o advogado de defesa

Segundo o advogado, “o ponto principal da defesa está no questionamento à fundamentação do acórdão do TRF-4”. De acordo com avaliação de Pertence, o fato de usar uma única decisão do STF não é suficiente para fundamentar a decisão” – Reprodução/Redes Sociais

O advogado de Lula, Sepúlveda Pertence, em pronunciamento no Superior Tribunal de Justiça (STJ), durante o julgamento do habeas corpus 434.766 do ex-presidente, criticou o papel da mídia e defendeu a aprovação do HC: “Não trato do paciente, nem de suas qualificações, nem, se sua biografia. O que se pretende é a reafirmação do princípio constitucional básico da presunção de inocência, que serve e protege qualquer cidadão”, afirmou.

Segundo o advogado, “o ponto principal da defesa está no questionamento à fundamentação do acórdão do TRF-4”. De acordo com avaliação de Pertence, o fato de usar uma única decisão do STF não é suficiente para fundamentar a decisão”.

A sessão de julgamento da Quinta Turma teve início às 13 horas. O colegiado é composto pelos ministros Reynaldo Soares da Fonseca (presidente), Felix Fischer, Jorge Mussi, Ribeiro Dantas e Joel Ilan Paciornik.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum