Petra Costa convoca reação contra Bolsonaro

A cineasta questionou quando terá manifestações contra a afronta de Bolsonaro às instituições

A cineasta Petra Costa, indicado ao Oscar de melhor documentário em 2020 por “Democracia em Vertigem”, usou as redes sociais na tarde desta quarta-feira (26) para criticar a atuação do presidente Jair Bolsonaro, que compartilhou um vídeo de convocatória para um ato no dia 15 de março contra o Congresso e o STF.

“Que dia vai ser nossa manifestação contra tudo isso? 8 de março?”, questionou a diretora ao compartilhar um vídeo do cantor Arnaldo Antunes criticando o uso indevido de uma composição de Antunes, com Marcelo Fromer e Tony Bellotto, para difundir as manifestações bolsonaristas.

“Quem defende a democracia tem que ir contra esse horror, essa onda que está promovendo esse ato do dia 15″, disse Antunes, que afirmou estar indignado pelo uso da música “numa campanha de divulgação desse ato ridículo”.

De acordo com a jornalista Vera Magalhães, o presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido-RJ) está usando seu número pessoal de WhatsApp para convocar seguidores para o ato do próximo dia 15 de março contra o Congresso Nacional. A manifestação possui forte teor golpista, já que alguns panfletos têm evocado o AI-5 e pedido a saída dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre.

Avatar de Lucas Rocha

Lucas Rocha

Jornalista da Sucursal do Rio de Janeiro da Fórum.