O que o brasileiro pensa?
27 de fevereiro de 2019, 21h37

PF abre inquérito para apurar suspeita de laranjas do PSL de MG ligados a ministro

Até o momento, o caso envolvendo Marcelo Álvaro Antônio vinha sendo investigado pelo Ministério Público do estado, que solicitou à PF auxílio na investigação

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) decidiu instaurar inquérito para investigar suspeitas de candidaturas de laranjas do PSL, partido de Jair Bolsonaro, em Minas Gerais. Um dos objetivos é apurar a responsabilidade de Marcelo Álvaro Antônio, ministro do Turismo. À época do episódio, ele era presidente da seção mineira do partido.

Quem comandará as investigações será a Polícia Federal de Minas Gerais. Até o momento, o caso vinha sendo investigado pelo Ministério Público do estado, que solicitou à PF auxílio na investigação.

Benefícios

O hoje ministro se elegeu deputado federal em 2018. A investigação pretende apurar se ele foi beneficiado com transferências para assessores de dinheiro do fundo eleitoral destinado a candidatas laranjas.

Álvaro Antônio tentou encaminhar a investigação para o âmbito do Supremo Tribunal Federal (STF), em função de ter foro privilegiado. Contudo, Luiz Fux, ministro do STF, negou a solicitação.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum