Fórum Educação
26 de agosto de 2019, 18h49

PF de Moro diz em inquérito que Rodrigo Maia cometeu corrupção e lavagem de dinheiro

Com base em uma delação premiada, a PF, subordinada ao ministro da Justiça, Sérgio Moro, concluiu um inquérito em que aponta "elementos concretos e relevantes" de que o presidente da Câmara recebeu recursos indevidos da Odebrecht

Moro com Rodrigo Maia (DEM). Foto: Reprodução

A Polícia Federal concluiu um inquérito, enviado nesta segunda-feira (26) ao Supremo Tribunal Federal (STF), em que aponta que há “elementos concretos e relevantes” de que o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), cometeu os crimes de corrupção passiva, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. A investigação tem como base delações premiadas de executivos da construtora Odebrecht.

De acordo com a PF, órgão subordinado ao ministro Sérgio Moro, o presidente da Câmara e seu pai, o ex-prefeito César Maia (DEM), cometeram os crimes listados ao, por exemplo, aceitarem e pedirem colaborações financeiras ilegais da Odebrecht em 2008, 2010, 2011 e 2014.

O ministro do STF, Edson Fachin, que é o relator da Lava Jato na Corte, deu um prazo de 15 dias para que a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, decida se vai oferecer ou não denúncia contra Maia e seu pai.

Relação desgastada 

Maia e Moro não mantêm a melhor das relações. O ministro responsável pela Polícia Federal, que agora aponta uma série de crimes supostamente cometidos pelo presidente da Câmara, tenta, desde passou a compor a equipe de Bolsonaro, emplacar seu pacote anti-crime na casa presidida pelo deputado do DEM, que vem escanteando a proposta.

Além disso, Maia tem subido o tom na defesa da liberdade de imprensa ao apoiar a divulgação das conversas da Vaza Jato, em um claro conflito com Moro, e também ao defender a manutenção dos direitos do ex-presidente Lula, como quando agiu para que o petista não fosse transferido de Curitiba para São Paulo, como queria o ministro da Justiça.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum