sábado, 31 out 2020
Publicidade

PF faz busca em empresas que teriam sido usadas para repassar recursos ao grupo de Cid Gomes

Maioria das empresas são do setor de marketing e propaganda. Repasses somam R$ 25 milhões

A Polícia Federal cumpre na manhã desta sexta-feira (16) mandados de busca e apreensão contra empresas que teriam sido utilizadas pela J&F, dona da JBS, para repassar R$ 25 milhões ao grupo do ex-governador do Ceará e senador Cid Gomes (PDT-CE), irmão de Ciro Gomes.

Agentes cumprem 17 mandados de busca e apreensão nas cidades de Fortaleza (CE), São Paulo (SP) e Salvador (BA).

A ação foi batizada de Marquetagem, já que a maioria das empresas são do setor de marketing e propaganda. Os mandados foram todos expedidos pela Justiça Eleitoral do Ceará, segundo a Crusoé. Nenhum político é alvo da operação.

O repasse da J&F estaria ligado à liberação de créditos tributários no Programa de Incentivos às Atividades Portuárias e Industriais do Ceará, o Proapi. Também estão na mira dos investigadores doações oficiais feitas pelo grupo por volta de 2010.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.