O que o brasileiro pensa?
17 de maio de 2020, 19h59

PF vai investigar denúncias de Marinho contra Flávio Bolsonaro

De acordo com o empresário, filho do presidente foi informado previamente por um delegado da Polícia Federal que Fabrício Queiroz seria alvo de investigação

Flávio Bolsonaro com Queiroz e Evelyn Queiroz na loja da Kopenhagen (Reprodução)

A Polícia Federal afirmou neste domingo (17) que vai investigar a denúncia feita pelo empresário Paulo Marinho, antigo apoiador de Jair Bolsonaro, de que o senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) foi informado antecipadamente por um delegado da organização sobre uma investigação contra seu ex-assessor, Fabrício Queiroz.

De acordo com Marinho, o filho do presidente foi avisado por um delegado apoiador de Bolsonaro sobre a existência da operação que investigava o esquema de “rachadinha” e desvio de dinheiro público em seu gabinete entre o primeiro e o segundo turnos das eleições.

Os policiais ainda teriam segurado a operação, então sigilosa, para que ela não ocorresse no meio do segundo turno, prejudicando assim a candidatura de Bolsonaro.

Em nota, a Polícia Federal disse que “todas as notícias de eventual desvio de conduta devem ser apuradas e, nesse sentido, foi determinada, na data de hoje, a instauração de novo procedimento específico para a apuração dos fatos apontados”.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, também afirmou que vai analisar as denúncias de Marinho e possivelmente incluí-las no inquérito que apura se Jair Bolsonaro interferiu politicamente na PF.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum