sexta-feira, 18 set 2020
Publicidade

Plenário aprova homenagem a Paulo Freire

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou moção de aplauso, ou seja, uma homenagem, a Paulo Freire (1921-1997), pedagogo brasileiro patrono da educação no País.

O educador Paulo Freire – Foto: Reprodução

O educador, sua memória e seu legado vem sido atacados por Bolsonaro e seus asseclas. O presidente chegou a chamar o pedagogo de “energúmeno” e declarou que a programação da TV Escola “deseduca”, que “ninguém assiste” e que é “dinheiro jogado fora”.

Ainda segundo Bolsonaro, a educação do Brasil tem baixo desempenho por culpa da programação “totalmente de esquerda”, que promovia “ideologia de gênero” com dinheiro público.

No mês passado, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Nível Superior (Capes) teve seu nome modificado. Agora, a “Plataforma Freire” se chama “Plataforma da Educação Básica”.

A sessão de homenagem no plenário deve acontecer em 4 de maio, próximo à data de falecimento de Freire, há 23 anos.

Clara Averbuck
Clara Averbuck
Escritora e jornalista, autora de 9 livros.