Fórumcast, o podcast da Fórum
26 de janeiro de 2019, 12h53

Polícia Federal vai investigar causas do rompimento da barragem em Brumadinho

“Queremos apurar o mais rápido possível a fim de apontar os responsáveis, caso existam e a dimensão do dano ambiental”, diz o delegado da PF

A coluna de Mônica Bergamo informa que a Polícia Federal instaurou um inquérito para investigar as causas e os culpados do rompimento da barragem da mineradora Vale, em Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte.

O objetivo, de acordo com Luiz Augusto Pessoa Nogueira, o delegado responsável pelo caso, é não perder tempo e promover as perícias e outras diligências que poderiam ser impossíveis de fazer posteriormente.

Fórum precisa ter um jornalista em Brasília em 2019. Será que você pode nos ajudar nisso? Clique aqui e saiba mais

“Queremos apurar o mais rápido possível a fim de apontar os responsáveis, caso existam e a dimensão do dano ambiental”, diz ele.

O risco de rompimento na mina Córrego do Feijão, que acabou ocorrendo nesta sexta (25), foi objeto da discussão em dezembro, de acordo com a ata da reunião extraordinária do órgão ambiental de Minas Gerais, que aprovou de forma aceleradaa ampliação das atividades do complexo Paraopeba, cuja mina faz parte.

A mineradora Vale divulgou na manhã deste sábado (26) uma lista com os nomes de funcionários da empresa que ainda não conseguiu nenhum contato. Ao todo, são 413 trabalhadores, sendo 90 terceirizados. A lista está sendo atualizada em tempo real, conforme as pessoas são localizadas.

Veja também:  Substituto de Moro, juiz ordena que Mantega use tornozeleira eletrônica

Até o momento, 9 mortes foram confirmadas e 189 pessoas foram resgatadas com vida. O rejeito da barragem do Córrego Feijão chega ao Rio Paraopeba, e a lama pode chegar a 19 municípios, comprometendo o abastecimento de água de cerca de 1 milhão de pessoas.

Agora que você chegou ao final desse texto e viu a importância da Fórum, que tal apoiar a criação da sucursal de Brasília? Clique aqui e saiba mais


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum