Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
20 de fevereiro de 2019, 16h27

Policiais se aposentarão mais cedo que professor e trabalhador rural

Segundo a proposta divulgada pelo Ministério da Economia, a idade mínima para os policiais e agentes, tanto homens quanto mulheres, é de 55 anos.

Os policiais civis, federais e os agentes penitenciários e socioeducativos vão se aposentar mais cedo do que professores e trabalhadores rurais, na reforma da Previdência apresentada nesta quarta-feira (20) pelo governo de Jair Bolsonaro.

Segundo a proposta divulgada pelo Ministério da Economia, a idade mínima para os policiais e agentes, tanto homens quanto mulheres, é de 55 anos. Também será necessário um tempo de contribuição de pelo menos 30 anos (homens) e 25 anos (mulheres).

Além disso, o segurado deve ter exercido o cargo por pelo menos 20 anos (homens) e 15 anos (mulheres) no caso de policiais civis e federais, e por pelo menos 20 anos para homens e mulheres no caso dos agentes penitenciários e socioeducativos.

Para professores e trabalhadores rurais, a proposta de Paulo Guedes determinou idade mínima de 60 anos. O tempo mínimo de contribuição será de 20 anos para a aposentadoria rural e de 30 anos para os professores (educação infantil, ensino fundamental e médio).

Bombeiros e policiais militares

Pela proposta, bombeiros e policiais militares passarão a ter o mesmo sistema de aposentadoria das Forças Armadas (cuja proposta de reforma da Previdência, segundo o governo, será enviada ao Congresso daqui a 30 dias por meio de projeto de lei específico). 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum