domingo, 20 set 2020
Publicidade

Prefeitura de SP vai comprar 2,4 milhões de máscaras para distribuir a professores e alunos na volta às aulas

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), autorizou a abertura de um pregão para compra de 2,4 milhões de máscaras de proteção facial para distribuir a estudantes e professores na volta às aulas.

Apesar da medida, ainda não há consenso na prefeitura paulista sobre a data do retorno. A hipótese de o ano letivo só voltar em 2021 ganhou força com a ideia de reduzir as férias de janeiro.

As máscaras serão distribuídas tanto aos professores – que receberão três unidades, além de um protetor facial -, quanto aos alunos, que receberão duas máscaras, álcool gel e copo para uso pessoal.

As informações são de Mônica Bergamo, na edição desta quinta-feira (6) da Folha de S.Paulo.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.