O que o brasileiro pensa?
06 de junho de 2020, 14h30

Presidente da OAB diz que Ministério da Saúde de Bolsonaro é “acéfalo e militarizado”

De acordo com Felipe Santa Cruz, a pasta deixou de cumprir seu papel durante a pandemia para "satisfazer o apetite conspiratório" do presidente

Foto: Divulgação

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Felipe Santa Cruz, afirmou nas redes sociais neste sábado (6) que o Ministério da Saúde, sob gestão de Eduardo Pazuello, deixou de cumprir seu papel durante a pandemia do coronavírus para “satisfazer” o presidente Jair Bolsonaro.

Santa Cruz disse ainda que a pasta está “acéfala” e “militarizada”, o que configura em um “perigoso e letal vexame”. Nesta sexta-feira (5), o órgão atrasou novamente a divulgação dos dados sobre o coronavírus, e a TV Globo fez um plantão urgente para noticiar.

“O Ministério da Saúde não adverte mais. Acéfalo e militarizado, presta-se ao papel de empoeirar e retardar informações sérias sobre a pandemia, apenas para satisfazer o apetite conspiratório do presidente e sua batalha pessoal contra a imprensa livre. Um perigoso e letal vexame”, afirmou Santa Cruz no Twitter.

De acordo com a Cofin, comissão do Conselho Nacional de Saúde vinculado ao Ministério da Saúde, responsável por acompanhar a execução do orçamento, a pasta só conseguiu desembolsar até agora cerca de 10% do total de que tem disponível para ações contra o coronavírus.

O recurso se destina à compra de respiradores, equipamentos de proteção e insumos para o enfrentamento da Covid-19. Dos R$ 10,3 bilhões que estão no caixa, só R$ 1 bi foi pago. Outros R$ 1,8 bilhão já foram contratados, mas ainda não pagos.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum