Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
04 de fevereiro de 2020, 10h24

Produção industrial fecha 2019 em queda após dois anos de alta

Produção de bens duráveis - como automóveis - está estagnada desde abril, segundo dados do IBGE, sinalizando falta de confiança do empresariado em relação à política de Paulo Guedes e Bolsonaro

Bolsonaro e Paulo Guedes (Foto: Alan Santos/PR)

A imposição das medidas neoliberais de Paulo Guedes, que conta com o conluio político entre Jair Bolsonaro e Paulo Skaf, derrubou a produção industrial brasileira, que fechou 2019 em queda de 1,1% após registrar alta nos dois anos anteriores.

Os dados foram divulgados nesta terça-feira (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística na Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF), que apontou mais um recuo, de 0,7%, no mês de dezembro, na comparação com o mês anterior. Quando comparada a dezembro de 2018, a produção do setor mostrou queda de 1,2%.

Leia também:
Bolsonaro faz chacota com desempregado: Vou lançar o programa minha primeira empresa
No governo, Bolsonaro provoca fuga recorde de 44,7 bilhões de dólares em 2019

O IBGE também revisou o resultado da produção da indústria de novembro, frente a outubro, com ajuste sazonal, que passou de uma queda de 1,2% para uma retração de 1,7%.

Bens de capital e duráveis foram os principais destaques negativos da produção industrial em dezembro entre as grandes categorias econômicas.

A produção de bens de capital registrou forte queda de 8,8% em dezembro, na comparação a novembro, com ajuste sazonal. Essa queda foi disseminada entre os produtos dessa categoria, com caminhões, máquinas e equipamentos para atividade agrícola e industrial. No ano, essa categoria teve queda foi de 0,4%.

“Os bens de capital não crescem desde abril e agora registou essa forte queda. O movimento ao longo desses meses parece ter relação com a confiança de empresários no período”, disse André Macedo, responsável pela pesquisa do IBGE, sinalizando que os números mostram queda de confiança do empresariado no governo.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum