sábado, 26 set 2020
Publicidade

PSOL se solidariza com Lula e com o PT e repudia manifestações de ódio e violência

As demonstrações de solidariedade ao ex-presidente Lula e integrantes de sua caravana, diante dos atos de violência com a passagem da comitiva pelo Sul do país, estão aumentando cada vez mais. O PSOL divulgou um vídeo, no qual demonstra seu repúdio em relação a essas ações. No vídeo, o presidente nacional do partido, Juliano Medeiros, fala explica que a luta é em defesa dos direitos sociais e democráticos no Brasil. “O partido teve um papel fundamental na luta contra o golpe institucional de 2016 e esteve também em todas as lutas em defesa dos direitos sociais e das liberdades democráticas nos últimos anos. Nesse período, fomos oposição política e programática aos governos do PT e hoje lutamos contra os ataques aos direitos do povo do governo Temer (MDB)”, explica.

“Nessa semana, segmentos de extrema-direita organizaram ações contra a Caravana de Lula pelo Rio Grande do Sul. O PSOL considera esses fatos um atentado contra a democracia. Não podemos permitir que o discurso de ódio e a intolerância vençam. Somos veementemente contrários aos atos hostis e agressivos ocorridos. Nossas diferenças são políticas e é nesse campo que faremos embates. Por isso, manifestamos repúdio às manifestações da extrema-direita, de setores do latifúndio gaúcho”.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.