Publicitário e vice-presidente do Aliança pelo Brasil, partido de Bolsonaro, são alvos da PF

Mandados ocorrem em inquérito que investiga atos golpistas. Deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) e Allan dos Santos também são alvos

A operação deflagrada pela Polícia Federal na manhã desta terça-feira (16) também cumpriu mandados de busca e apreensão contra o publicitário Sérgio Lima e o advogado Luís Felipe Belmonte. Os dois são ligados ao Aliança pelo Brasil, partido que o presidente Jair Bolsonaro pretende criar.

Luís Felipe Belmonte é vice-presidente e principal operador da nova legenda. Já Sérgio Lima foi responsável por desenvolver a comunicação visual do Aliança, além de ter criado o aplicativo que coleta assinaturas para a criação do partido.

Além deles, o deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) e o blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, do portal Terça Livre, também foram alvos da operação.

De acordo com a GloboNews, a operação ocorre em inquérito que investiga as manifestações antidemocráticas no país, solicitado pelo procurador-geral da República, Augusto Aras. Ao todo, são 21 mandados judiciais abertos por determinação do ministro Alexandre de Moraes.

A intenção da investigação é apurar quem financia e organiza tais atos golpistas. A bolsonarista Sara “Winter” Geromini foi presa pela PF, em Brasília, por conta do mesmo inquérito.

Além dela, cinco outras pessoas identificadas como líderes do acampamento “300 do Brasil” tiveram prisão temporária, por cinco dias. O objetivo das prisões temporárias é ouvir os investigados e reunir informações de como funciona o esquema criminoso.

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR