Quaest: Lula é o melhor para resolver crise econômica, principal problema do país

Pesquisa Quaest mostra que economia superou pandemia como maior preocupação dos brasileiros. Lula é visto por 33% como melhor para resolver a questão. 73% dizem que cenário piorou no último ano e 56% reprovam Bolsonaro. Leia a íntegra

Pesquisa Quaest divulgada nesta quarta-feira (10), que mostra Lula na liderança das intenções de voto, revela que a crise econômica superou a pandemia como principal problema do país. E a maioria dos eleitores confiam no ex-presidente para resolver essa questão.

Notícias relacionadas

Em outubro, 24% dos entrevistados ainda consideravam a pandemia o principal problema do país – seguido pela economia, com 19%. Na pesquisa deste mês, o cenário se inverteu e 23% apontam a crise econômica como o mais grave tema a ser enfrentado, diante de 17% que citaram o coronavírus.

Lula é visto por 33% como o melhor nome para resolver a crise, diante de 11% de Jair Bolsonaro (Sem partido). O petista ainda lidera quando os temas são “Saúde/Pandemia” – 27% a 15% – e “desemprego” – 32% a 15%.

O ex-presidente tem o maior índice quando as questões sociais são colocadas em pauta, com a preferência de 47% dos entrevistados. Nesse tema, Bolsonaro tem apenas 5% e é superado por “outros”, que marca 8%.

Piora na economia reflete na avaliação de Bolsonaro

A percepção de piora do cenário econômico bateu recorde de 73% dos entrevistados, que acreditam que a economia pirou no último ano – em outubro eram 69%.

O porcentual reflete diretamente na avaliação do governo Bolsonaro, visto como negativo para 56% dos eleitores – 3 pontos porcentuais a mais que no mês passado. Apenas 19% avaliam como positiva a gestão do atual presidente e 22% como regular.

O aumento da desigualdade social também é cada vez mais perceptível, sendo que 66% acreditam que a diferença entre os ricos e os pobres aumentou – 23% dizem que ficou igual e apenas 7% que diminuiu.

Leia a pesquisa na íntegra

Publicidade
Avatar de Plinio Teodoro

Plinio Teodoro

Jornalista, editor de Política da Fórum, especialista em comunicação e relações humanas.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR