terça-feira, 22 set 2020
Publicidade

Queiroz depositou dinheiro vivo na conta da esposa de Flávio Bolsonaro para ajudar a quitar cobertura do casal

Fabrício Queiroz, ex-assessor e ex-motorista do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ), depositou R$ 25 mil em dinheiro na conta da esposa de Flávio, uma semana antes de o casal quitar a primeira parcela na compra de uma cobertura em construção na zona sul do Rio de Janeiro.

O depósito, junto com outras movimentações financeiras na conta da dentista Fernanda Bolsonaro, foi feito para dar cobertura ao pagamento de entrada no imóvel, de acordo com dados da quebra de sigilo bancário obtidos pelo Ministério Público do Rio (MP-RJ).

Há também um crédito em espécie de R$ 12 mil realizado por uma pessoa cuja identidade é mantida sob sigilo.

Dias antes da família de Flávio Bolsonaro pagar R$ 110,5 mil pela entrada no apartamento, em agosto de 2011, houve um movimento de créditos na conta de Fernanda para cobrir a despesa futura. O primeiro foi realizado por Queiroz, no dia 15.

Vários outros depósitos e resgates são feitos na conta de dentista relativos à compra do apartamento.

O MP-RJ obteve também imagens da agência bancária do Itaú na Assembleia Legislativa do Rio mostrando o PM aposentado pagando em dinheiro a mensalidade escolar das filhas do senador em outubro de 2018.

Os promotores suspeitam que a mesma dinâmica ocorreu no pagamento de outros 53 boletos da escola de 2014 a 2018 feito com dinheiro na boca do caixa. Eles somam R$ 153,2 mil.

O mesmo ocorreu com a mensalidade do plano de saúde da família do senador. Foram 63 boletos pagos em dinheiro de 2013 a 2014, somando R$ 108,4 mil.

Veja mais detalhes na Folha

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.