Randolfe diz que CPI pedirá quebra de sigilo de Allan dos Santos após fake news sobre vacina

Blogueiro bolsonarista disse que imunizante contra Covid-19 teria causado desmaio do jogador Christian Eriksen

O vice-presidente da CPI do Genocídio, Randolfe Rodrigues (Rede-AP), comentou nas redes sociais, neste domingo (13), que vai pedir a quebra de sigilo telefônico, de dados, bancário e fiscal do blogueiro bolsonarista Allan dos Santos, do Terça Livre.

“Era o elemento que faltava para pedirmos as quebras de sigilo telefônico, de dados, bancário e fiscal desse senhor”, afirmou Randolfe no Twitter.

A declaração do senador ocorre após o blogueiro divulgar nas redes uma fake news sobre a vacina contra Covid-19. Ele disse que o imunizante pode ter provocado o desmaio do jogador Christian Eriksen, camisa 10 da Dinamarca, durante jogo no sábado (12).

Em seu perfil na mesma rede social, o blogueiro escreveu que “o médico-chefe e cardiologista da equipe italiana confirmou via rádio italiana que Eriksen havia recebido a vacina Pfizer em 31 de Maio”. Segundo ele, “há especulações de que ele teve coágulo sanguíneo ou miocardite, nada ainda confirmado em relação à vacina, mas o questionamento é grande”.

A informação, no entanto, é falsa. O diretor executivo da Inter de Milão, Giuseppe Marotta, declarou na tarde do domingo que Eriksen nunca testou positivo para Covid-19 e não foi imunizado. “Ele não teve Covid e também não foi vacinado. Eu posso dizer que a equipe médica da Inter está em contato com todos da Dinamarca e com ele desde o início”, declarou Marotta à emissora italiana RAI Sport

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR