sábado, 19 set 2020
Publicidade

Regina Duarte seria o “Moro da Cultura”, teria dito auxiliar presidencial

A jornalista e comentarista política da GloboNews, Natuza Nery, postou em seu Twitter uma mensagem na qual informa que um integrante do governo federal está exultante com a possibilidade de contar com Regina Duarte como nova secretária nacional de Cultura. Ela recebeu o convite de Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (18) e disse que responderia no sábado (18).

“Se Regina Duarte aceitar o convite para assumir a Cultura, o governo considera que fará uma limonada do limão. Uma espécie de ‘Moro da Cultura’, definiu um entusiasmado auxiliar presidencial”, tuitou Natuza.


Outras atrizes

Mauricio Stycer, colunista do UOL, lembrou no Twitter que o convite a atrizes para o cargo ao qual Regina Duarte está sendo sondada não é novidade.

“Regina Duarte não é a primeira atriz a ser convidada para ocupar o comando da Cultura no governo federal. Fernanda Montenegro foi convidada duas vezes, nos governos Sarney (1985) e Itamar Franco (92), para ser ministra. Recusou os dois convites”, disse.

“Temer convidou Marília Gabriela para ser secretária da Cultura (2016), e ela também recusou”, lembrou.

“Bruna Lombardi também foi sondada pelo governo Temer e recusou. O convite a Bruna e a Marília foi levado por Marta Suplicy, segundo os relatos dos jornais”, acrescentou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.