Fórumcast, o podcast da Fórum
13 de setembro de 2019, 09h43

Reinaldo Azevedo diz que briga de Bolsonaro com Moro foi o que derrubou Marcos Cintra

De acordo com o jornalista, Marcos Cintra caiu porque "não conseguiu tirar de Sergio Moro e da Lava Jato o controle de setores da Receita Federal"

Foto: Divulgação/MJSP

O jornalista Reinaldo Azevedo publicou em sua coluna nesta sexta-feira (13) que a exoneração do titular da Secretaria da Receita Federal do Brasil, Marcos Cintra, ocorreu devido a briga entre Jair Bolsonaro (PSL) e seu ministro da Justiça, Sergio Moro, que tem ameaçado deixar o cargo por estar “exaurido” com o presidente. De acordo com o jornalista, Marcos Cintra caiu porque não conseguiu tirar de Sergio Moro e da Lava Jato o controle de setores da Receita Federal.

Se você curte o jornalismo da Fórum clique aqui. Em breve, você terá novidades que vão te colocar numa rede em que ninguém solta a mão de ninguém

“Cintra caiu porque não conseguiu desmontar o ‘bunker’ moro-lavajatista no órgão”, disse. Ainda de acordo com Reinaldo, taxar as transações financeiras é o mais rentável de todos os impostos. “Inexiste reforma tributária mais fácil do que essa”, completou, em tentativa de justificar que a demissão de Cintra nada tem a ver com a defesa da CPMF.

Sergio Moro está isolado no Planalto e disse que tem se sentido “desconfortável com o linguajar de Bolsonaro sobre uma série de assuntos”, mas estava disposto a levar adiante seu trabalho no ministério para que pudesse colher os frutos em um futuro próximo: a cadeira negociada com Bolsonaro no Supremo Tribunal Federal (STF).


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum