Renan Calheiros diz que CPI da Covid-19 deve investigar “Bolsolão”

Comentário gerou bate-boca com Fernando Bezerra (MDB-PE). "Vossa excelência quer ser relator universal", atacou

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 iniciou seus trabalhos nesta quarta-feira (12) com bate-boca entre o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), e o relator Renan Calheiros (MDB-AL). O relator da CPI defendeu que a comissão investigue o esquema do chamado “orçamento secreto” criado pelo presidente Jair Bolsonaro para comprar apoio dos deputados.

“O Estadão publica há três dias manchetes de recursos secretos no orçamento da União. Eu acho que essa é uma investigação pertinente”, disse Renan. “O senhor sabe que não tem nada de secreto”, rebateu Bezerra, iniciando um bate-boca e acusando o relator de agir como o ex-ministro Sergio Moro.

“Se Vossa Excelência disse que não seria como Sergio Moro, juiz universal, Vossa Excelência quer ser um relator universal”, completou Bezerra.

O esquema do orçamento secreto foi revelado pelo jornal Estado de S. Paulo no domingo (9). Segundo a reportagem, para aumentar sua base de apoio no Congresso, Bolsonaro montou, no final de 2020, um orçamento secreto e paralelo no valor de R$ 3 bilhões em emendas. Boa parte do dinheiro era destinada à compra de tratores e equipamentos agrícolas por preços até 259% acima da referência.

Acompanhe a CPI do Genocídio ao vivo:

Avatar de Luisa Fragão

Luisa Fragão

Jornalista.

Você pode estar junto nesta luta

Fórum é um dos meios de comunicação mais importantes da história da mídia alternativa brasileira e latino-americana. Fazemos jornalismo há 20 anos com compromisso social. Nascemos no Fórum Social Mundial de 2001. Somos parte da resistência contra o neoliberalismo. Você pode fazer parte desta história apoiando nosso jornalismo.

APOIAR