quinta-feira, 24 set 2020
Publicidade

Renan pede Lula Livre e diz que condenação é sinal trocado de época bipolar

O senador Renan Calheiros (MDB) postou vídeo nas redes sociais onde critica de forma veemente a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Para Renan, fizeram acusação contra Lula sem provas, “depois, denunciaram Lula sem provas. Foram além, condenaram o Lula sumariamente sem provas. Foram além do além e condenaram Lula em Segunda Instância sem provas. Como se não bastasse, fizeram tudo para prender Lula sem provas”.

Logo mais adiante, Renan diz que “você pode gostar ou não gostar de Lula, pode concordar ou não concordar com as suas ideias. Mas você sabe, agora, finalmente estão surgindo as provas. Um desembargador Federal mandou soltar Lula. E um juiz de instância inferior descumpriu a ordem. Isso tem prova”, alerta o senador.

Renan prossegue lembrando que o desembargador mandou soltar de novo. “E num ato de insubordinação, ninguém cumpriu a ordem. Isso tem prova! O Supremo tem maioria a favor da soltura do Lula, mas o tema não é apreciado pela Corte. Isso tem prova. Lula é condenado por ser dono de um apartamento que pertence à empresa e não a ele. Isso tem prova”, disse.

Ao final, Renan diz serem “inacreditáveis os caminhos tomados. Quando as provas inocentam, prende-se. Quando as provas condenam, absolve-se. São sinais trocados de uma época bipolar. Lula livre”, completou.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.