Entrevista exclusiva com Lula
15 de março de 2019, 13h56

Robôs de Bolsonaro viralizam texto fake de padre Fábio de Melo sobre massacre em Suzano

O texto, falsamente atribuído ao padre Fábio de Melo, alega que os jovens que promoveram o massacre na escola em Suzano, "não mataram porque o porte de arma é um projeto do atual governo"

Bolsonaro e o tuíte de Fábiodde Melo para desmentir os robôs (Montagem)

Os “bots” de Jair Bolsonaro – robôs que atuaram fortemente na campanha divulgando fake news – entraram em ação novamente. Desta vez, os mecanismos disseminaram um texto falsamente atribuído ao padre Fábio de Melo, alegando que os jovens que promoveram o massacre na escola estadual Raul Brasil, em Suzano, “não mataram porque o porte de arma é um projeto do atual governo”.

Com mais de 6 milhões de seguidores somente no Twitter, Fábio de Melo foi à rede social nesta sexta-feira (15) desmentir a autoria do texto. “O texto que está viralizado sobre o atentado em Suzano, cujo título é ‘O melhor texto que já li sobre o acontecimento de ontem’ não foi escrito por mim. O único que escrevi sobre o acontecimento é o que está abaixo”, tuitou o padre, compartilhando o texto real que escreveu sobre a tragédia.

No texto original, Fábio de Mello diz que a tragédia em Suzano “só nos entristece”. “Foi o tempo em que só temíamos os bandidos. Hoje, uma dor emocional não curada, pode levar um adolescente a se tornar um assassino”, relata.

Alguns trechos foram copiados do texto original, mas colocados em outro contexto, como o que diz que “a violência é o desdobramento de carências afetivas, da necessidade de ser visto e notado, ainda que da pior maneira”.

No texto fake, a frase é seguida por outra, onde se lê: “As armas não matam, o que mata é a ausência de AMOR!!!”

Leia o texto original do Padre Fábio de Mello e, logo abaixo, o fake distribuído aos seguidores de Jair Bolsonaro.

Texto fake, distribuído pelos robôs de Bolsonaro

Melhor texto que já li sobre o acontecimento de ontem

Autor: Padre Fábio de Melo

“Cansado e perplexo com tantas baboseiras e falsas justificativas pras atrocidades que ainda nos surpreendem todos os dias…

Os meninos não mataram porque o porte de arma é um projeto do atual governo. Os meninos não mataram porque jogavam jogos violentos.Os meninos não mataram porque a escola foi omissa. Os meninos não mataram porque sofreram Bullying…

Eles mataram porque as famílias estão desestruturadas e fracassadas, porque não se educa mais em casa, não se acompanha mais de perto, a tecnologia substitui o diálogo, presentes compram limites, direitos e deveres e não há o conhecimento e respeito a Deus.

Precisamos parar de nos omitir, de transferir culpas. A culpa é minha, é sua, de todos nós!

“A violência é o desdobramento de carências afetivas, da necessidade de ser visto e notado, ainda que da pior maneira”

As armas não matam, o que mata é a ausência de AMOR!!!

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum