Fórum Educação
29 de abril de 2020, 19h12

Rui Costa rebate ataques de Bolsonaro: “Governe o Brasil sem fazer picuinha política”

O presidente disse que o governador da Bahia faz "palhaçada" ao pedir respeito às vítimas de coronavírus

Foto: Reprodução/Vídeo

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), respondeu às criticas do presidente Jair Bolsonaro feito contra ele nesta quarta-feira (29). O ex-capitão disse que Costa estaria fazendo “palhaçada” ao dizer que a prioridade deve ser salvar vidas.

“Passe a governar o Brasil sem fazer picuinha política ou agressão. Respeite o esforço de governadores e prefeitos a salvar vidas humanas. Tenha respeito pela vida humana”, declarou o governador.

Costa ainda pediu para o presidente “governar com seriedade”. “Eu vou lhe pedir que você comece a governar o Brasil com seriedade, que você respeite as famílias das vítimas, mais de 5 mil famílias estão chorando”, disse.

Em conversa com apoiadores na tarde desta quarta, Bolsonaro atacou Costa e João Doria e ainda ameaçou usar a PF contra governadores. “Ô Rui Costa, para de palhaçada. O Doria tem que responder por São Paulo, é o estado que mais tem gente que perdeu a vida. […] Nós demos recursos para quem foi possível. E, ó, a minha PF vai pra cima de quem estiver fazendo basteira aí com esse grana, hein. A PF vai funcionar!”, disse.

Mais cedo, Costa criticou o “E daí?” dito pelo presidente quando foi informado que o Brasil já teria mais mortes registradas do que a China. “Queria que o presidente parasse de agredir governadores e prefeitos pra começar a governar com seriedade e responsabilidade. E daí? Vamos ter respeito pelas vítimas. Neste momento temos que unir o povo brasileiro em favor da vida”, afirmou.

Notícias relacionadas


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum