O que o brasileiro pensa?
20 de janeiro de 2020, 18h14

Sem pedir extradição de autor de atentado do Porta dos Fundos, Araújo vai a conferência sobre terrorismo

Deixado de lado em foto oficial do encontro que aconteceu na Colômbia, o ministro das Relações Exteriores mostra não ter muito prestígio entre seus pares

Reprodução/Twitter/MRE

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, também participou da 3ª Cúpula Hemisférica da Luta contra o Terrorismo nesta segunda-feira (20). O encontro reuniu figuras como o deputado venezuelano Juan Guaidó, o presidente  da Colômbia, Iván Duque, e o secretario de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo.

A Cúpula serviu mais para pensar as estratégias que a oposição venezuelana deve realizar durante este 2020 após a queda de Guaidó como presidente da Assembleia Nacional – em seu lugar, foi eleito Luis Parra, que também é opositor do chavismo. A pauta anti-terrorismo não teve um foco tão importante.

Se a pauta fosse realmente combate ao terrorismo, Araújo, que na foto oficial do evento já ficou em uma posição bem pouco “glamourosa”, talvez ficasse em uma desvantagem ainda maior. O Itamaraty não solicitou à Rússia a extradição de Eduardo Fauzi, suspeito de atentado contra Porta dos Fundos.

Segundo o ministério das Relações Exteriores, o pedido não foi feito porque o Ministério da Justiça, comandado pelo ex-juiz federal Sérgio Moro, não solicitou.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum