Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de março de 2019, 09h43

Senado também deverá dificultar aprovação de projeto anticrime de Moro

Uma eventual indicação de Moro para o STF também enfrentaria dificuldade para ser aprovada no Senado

Foto: Divulgação/Ministério da Justiça

Não é apenas na Câmara que o ex-juiz e atual ministro da Justiça, Sergio Moro, enfrentará dificuldades para aprovar o seu projeto anticrimes, mas também no Senado.

De acordo com informações da coluna de Mônica Bergamo, publicada nesta segunda-feira (25), parlamentares da cúpula da Casa estão dispostos a colocar pedras no caminho quando e se o projeto chegar para ser discutido.

A Câmara dos Deputados já suspendeu, na semana passada, a sua tramitação por 90 dias, prorrogáveis por mais 90.

O projeto do ex-juiz de Curitiba só teria alguma chance de tramitar —e, mesmo assim, com restrições— caso o governo apoie a aprovação do projeto de abuso de autoridade, que enquadra policiais, procuradores e magistrados.

Até mesmo o senador Major Olímpio (PSL-SP), que apoia o projeto de Moro, admite as dificuldades. “Quando se faz política de uma nova forma, a dinâmica muda. Nem todos podem ser convencidos por ideias e conhecimento”, afirma ele.

As dificuldades de Moro não param por aí. Uma eventual indicação sua para o STF (Supremo Tribunal Federal), hoje, também enfrentaria dificuldade para ser aprovada no Senado.

Além de PT, senadores do PMDB, do DEM e do PSDB resistiriam ao nome dele.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum