Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
12 de março de 2019, 15h30

Sobre suposto namoro entre filhos de Bolsonaro e de suspeito de matar Marielle, delegado diz: “Isso tem”

Durante entrevista coletiva, faz a colocação: "E o filho mais novo do Bolsonaro namora ou namorou..." O delegado, então, interrompe: "Isso tem. Isso tem. Mas, para nós hoje não importou na motivação delitiva"

Bolsonaro e Ronaldo Lessa, que atirou em Marielle Franco (Reprodução)

O delegado responsável pela Divisão de Homicídios da capital fluminense, Giniton Lages, confirmou em entrevista nesta terça-feira (12) que a filha do sargento reformado da PM, Ronnie Lessa, que efetuou os disparos que mataram Marielle Franco (PSol), namorou o filho mais novo de Jair Bolsonaro (PSL).

Blog do Rovai: Bolsonaro, Marielle, milícias e as coincidências

Em um trecho da entrevista, o delegado é perguntado se há alguma relação da família de Bolsonaro e de Lessa e responde: “não, isso não foi confirmado e não foi objeto. O fato dele morar no condomínio de Bolsonaro não diz muita coisa, para a indiciação da Marielle. Imaginavam que esse link fosse feito. E ele não tem uma relação direta com a família Bolsonaro. Nós não detectamos isso”.

Em áudio baixo, um repórter não identificado, então, faz a colocação: “E o filho mais novo do Bolsonaro namora ou namorou…” O delegado, então interrompe: “Isso tem. Isso tem. Mas, para nós hoje não importou na motivação delitiva”.

Ouça o áudio

Lessa foi preso em sua casa às 4h, no condomínio Vivendas da Barra, na Barra da Tijuca, zona oeste. O local é o mesmo da casa onde mora o presidente Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro.

A coordenadora do Gaeco Simmone Sibílio, disse, em coletiva na tarde desta terça-feira, que o suposto namoro dos dois jovens é irrelevante para as investigações.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum