Tatto enquadra Mamãe Falei que abaixa a cabeça e diz “tá bom”

O candidato do PT encontrou o oponente após o debate e não poupou palavras. Veja o vídeo aqui

O candidato à prefeitura de São Paulo, Jilmar Tatto (PT), deu uma dura bronca em Arthur do Val (Patriota), conhecido como Mamãe Falei, depois de debate, ocorrido nesta segunda-feira (26), promovido pela ConecTV, emissora de Osasco.

Leia também: Em debate, Tatto volta a confrontar Mamãe Falei: “Filhinho de papai criado jogando ‘bolita’ em carpete”

Após levar a enquadrada, Mamãe Falei se limitou a abaixar a cabeça e dizer: “tá bom”.

O candidato do PT encontrou o oponente após o debate e não poupou palavras:

“Você sabe o que eu passei, cara, pra fazer essa porra funcionar no transporte? Ai vem você aqui, eu nunca te vi, entendeu? E fala um monte de merda pra cima de mim, cara? Eu tô seguindo desse jeito, com sinceridade e com paixão, é isso que eu tô te cobrando. Você tem que conhecer a minha história antes de falar. A política não é tudo não. Você pode ser de direita, pode ter suas ideias, não tem problema nenhum. Agora, eu defendo as minhas, mas tem que ser noutro nível, cara. É assim que a gente vai construir democracia, porra”.

Durante o debate, do Val fez acusações sobre os gastos da família de Tatto que, ao contrário do que disse, diminuíram durante a pandemia. O candidato também fez insinuações sobre uma provável relação de Tatto com o PCC, o que nunca foi sequer alvo de investigação.

Celso Russomanno (Republicanos), Bruno Covas (PSDB), Guilherme Boulos (PSOL), e Márcio França (PSB) alegaram conflitos de agenda e não compareceram ao debate.

Participaram Joice Hasselmann, (PSL); Andrea Matarazzo (PSD); Arthur do Val (Patriota); Jilmar Tatto (PT); Marina Helou (Rede) e Orlando Silva (PCdoB).

Avatar de Julinho Bittencourt

Julinho Bittencourt

Jornalista, editor de Cultura da Fórum, cantor, compositor e violeiro com vários discos gravados, torcedor do Peixe, autor de peças e trilhas de teatro, ateu e devoto de São Gonçalo - o santo violeiro.