Fórumcast, o podcast da Fórum
15 de setembro de 2017, 08h33

“Temer e Cunha tramavam diariamente queda de Dilma”, garante delator

Segundo Funaro, Cunha funcionava como arrecadador de propinas para o “quadrilhão” do PMDB, enquanto Temer atuava no núcleo político, viabilizando interesses de empresas que pagavam subornos.

Segundo Funaro, Cunha funcionava como arrecadador de propinas para o “quadrilhão” do PMDB, enquanto Temer atuava no núcleo político, viabilizando interesses de empresas que pagavam subornos.

Da Redação*

Em mais um trecho da delação premiada do corretor Lúcio Funaro, ele deixa claro o que todos já sabiam: Na época do impeachment, o então vice-presidente Michel Temer tramava diariamente a deposição de Dilma Rousseff, com o presidente da Câmara à época, Eduardo Cunha.

A denúncia consta de um dos anexos da colaboração premiada do corretor, homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF), na qual ele apresenta com riqueza de detalhes sua relação com o alto clero do PMDB e nomeia os “operadores” de Temer em supostos esquemas de corrupção.

Segundo Funaro, Cunha sempre funcionou como o arrecadador de propinas para o chamado “quadrilhão” do PMDB, enquanto Temer atuava no núcleo político, viabilizando interesses de empresas que pagavam subornos ao grupo.

O corretor revelou que a relação de Cunha e Temer oscilava, dependendo do “momento político”. “Na época do impeachment de Dilma Rousseff, eles confabulavam diariamente, tramando a aprovação do impeachment e, consequentemente, a assunção de Temer como presidente”, disse Funaro.

*Com informações do Estadão

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil/Fotos Públicas

 


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum