Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
25 de novembro de 2019, 20h18

TRF-4 cria novas regras internas e monta operação de guerra para julgar Lula na quarta-feira

Servidores que não forem trabalhar durante o julgamento não poderão ir até o prédio e cumprirão expediente atuando em casa. Todos os prazos processuais do dia estarão suspensas

Foto: Reprodução

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) vai montar um esquema especial, nesta quarta-feira (27), para o julgamento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do sítio de Atibaia. Servidores que não forem trabalhar durante o julgamento não poderão ir até o prédio e cumprirão expediente atuando em casa. Todos os prazos processuais do dia estarão suspensas.

A imprensa poderá entrar no tribunal, mas não será permitido acompanhar o julgamento. Só estarão autorizados a ingressar na sala de audiência as partes do processo e seus advogados. Porém, o julgamento seria transmitido pela internet, no canal do TRF-4 no Youtube.

Não é sócio Fórum? Quer ganhar 3 livros? Então clica aqui.

O julgamento foi confirmado depois que o ministro do Supremo Tribunal Federal, Edson Fachin, decidiu, nesta segunda-feira (25), manter o julgamento da apelação da defesa do petista contra a condenação no processo do sítio em Atibaia.

Leia aqui a portaria sobre a determinação do TRF-4 para o dia do julgamento de Lula.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum