Fórumcast, o podcast da Fórum
04 de setembro de 2019, 19h25

TRF-4 nega pedido de Lula e decide manter bloqueio dos bens de Dona Marisa

Preso e com seus bens bloqueados, Lula não conseguiu desbloquear o espólio da ex-primeira Dona Marisa Letícia, falecida em 2017

Marisa e Lula (Foto: Roberto Stuckert Filho)

A 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), de Porto Alegre, decidiu por unanimidade nesta quarta-feira (4) manter o bloqueio de 100% dos bens financeiros do espólio da ex-primeira-dama Dona Marisa Letícia, falecida em 2017. A decisão foi uma negativa ao pedido de desbloqueio dos bens por parte da defesa do ex-presidente Lula.

Preso desde abril de 2018 em Curitiba, Lula também teve seus bens bloqueados e, há meses, tenta desbloquear os bens da falecida esposa.

Os bens de Lula, assim como os de Marisa, foram bloqueados no processo do triplex do Guarujá que levou o petista à prisão. O TRF-4, que negou o desbloqueio dos bens, é o mesmo que aumentou a pena de Lula em segunda instância. O tempo de permanência do ex-presidente na prisão, no entanto, foi reduzido depois pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Em julho, a defesa de Lula já havia ingressado com um recurso no TRF-4 contra a decisão de Gabriela Hardt, juíza federal substituta da 13ª Vara, que já havia mantido o bloqueio dos bens. À época, o Tribunal também havia negado o pedido dos advogados do petista.

A defesa de Lula ainda não se manifestou sobre a nova decisão.


Você pode fazer o jornalismo da Fórum ser cada vez melhor

A Fórum nunca foi tão lida como atualmente. Ao mesmo tempo nunca publicou tanto conteúdo original e trabalhou com tantos colaboradores e colunistas. Ou seja, nossos recordes mensais de audiência são frutos de um enorme esforço para fazer um jornalismo posicionado a favor dos direitos, da democracia e dos movimentos sociais, mas que não seja panfletário e de baixa qualidade. Prezamos nossa credibilidade. Mesmo com todo esse sucesso não estamos satisfeitos.

Queremos melhorar nossa qualidade editorial e alcançar cada vez mais gente. Para isso precisamos de um número maior de sócios, que é a forma que encontramos para bancar parte do nosso projeto. Sócios já recebem uma newsletter exclusiva todas as manhãs e em julho terão uma área exclusiva.

Fique sócio e faça parte desta caminhada para que ela se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie a Fórum