Fórumcast, o podcast da Fórum
17 de setembro de 2019, 23h53

TSE determina: “Candidaturas laranjas” devem levar à cassação de toda a chapa

Decisão pode criar problemas para o laranjal do PSL, partido de Jair Bolsonaro

Parlamentares do PSol fazem protesto contra o laranjal do PSL de Bolsonaro (Foto: Agência Câmara)

Por 4 votos a 3, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, na noite desta terça-feira (17), que os casos de candidaturas de fachada – conhecidas como “laranja” – devem levar à cassação de toda a chapa, e não apenas dos candidatos que se aproveitaram da prática.

As candidaturas laranja são recorrentemente utilizadas para fraudar a cota eleitoral destinada a mulheres, que é de 30%.

Isso aconteceu, por exemplo, em candidaturas do PSL, partido de Jair Bolsonaro, em Minas Gerais e em Pernambuco. Mateus Von Rondon, assessor especial do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, inclusive, chegou a ser preso em junho no âmbito de uma operação da Polícia Federal que investiga o “laranjal” do partido do presidente. De acordo com as investigações, o partido teria repassado recursos de financiamento de campanha de forma irregular a candidatas que sequer chegaram a fazer campanha.

O entendimento desta terça-feira (17) do TSE foi relacionada à candidaturas laranjas em coligação para o cargo de vereador na cidade de Valença do Piauí (PI), mas abre precedente para o caso do laranjal do PSL. Com a decisão, a Justiça Eleitoral determinou que a presença de cinco candidatas laranjas entre as candidaturas deveria levar à cassação de toda a chapa, formada por um total de 29 candidatos, entre eleitos e não eleitos.

Ao todo, foram retirados os mandatos de seis vereadores eleitos – mais da metade da Câmara Municipal de Valença do Piauí que, até então, contava com 11 vereadores.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum