Seja #sóciofórum. Clique aqui e saiba como
03 de março de 2019, 10h45

Vaquinha de Olavo seria para pagar sonegação nos EUA; no Brasil, guru omitiu declarações de IR

No Facebook, Olavo disse que recebeu “uma cobrança monstruosa de despesas médicas e impostos, e vamos precisar desesperadamente da ajuda dos nossos amigos”. Eduardo Bolsonaro compartilhou o pedido de Olavo e pediu apoio na campanha

Eduardo Bolsonaro e Olavo de Carvalho (Reprodução/Youtube)

O jornalista Gilberto Dimeinstein, do site Catraca Livre, informou pelo Twitter neste sábado (2) que a vaquinha feita por Olavo de Carvalho, guru do clã Bolsonaro, nas redes sociais seria para pagar impostos que ele teria sonegado nos Estados Unidos.

“Começa a surgir a verdade sobre as dívidas de Olavo de Carvalho. Ele sonegou impostos nos EUA. E a conta chegou salgada. Agora quer que seus seguidores paguem o calote. Socialismo às avessas”, tuitou Dimeinstein.

Em reportagem no Catraca Livre neste domingo (3), o jornalista ainda informou que a empresa que Olavo mantém no Brasil, a Olavo de Carvalho Produções, é classificada pela Receita Federal como inapta por omitir declarações de renda.

“Olavo de Carvalho não detalha quanto deve. Nem como chegou a dever para o governo americano e hospitais. Começa com a posição de vítima para sensibilizar os doadores: ‘acossados por uma rede internacional de caluniadores e difamadores, recebemos ainda uma cobrança monstruosa de despesas médicas e impostos’. O que tem a ver a “rede internacional de caluniadores” com as dívidas?”, indaga Dimeinstein.

Apoio de Eduardo Bolsonaro
O “guru” da família Bolsonaro, Olavo de Carvalho, está em dificuldades financeiras e lançou uma campanha nas redes sociais para levantar recursos com apoiadores.

Em sua página no Facebook, o astrólogo, que mora nos Estados Unidos, disse que recebeu “uma cobrança monstruosa de despesas médicas e impostos, e vamos precisar desesperadamente da ajuda dos nossos amigos”.

Em retribuição aos colaboradores, ele oferece livros autografados e “profunda gratidão”.

Eduardo Bolsonaro (PSL), deputado e filho do presidente, compartilhou o pedido de Olavo e pediu apoio na campanha.

Nossa sucursal em Brasília já está em ação. A Fórum é o primeiro veículo a contratar jornalistas a partir de financiamento coletivo. E para continuar o trabalho precisamos do seu apoio. Saiba mais.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum