Fórumcast, o podcast da Fórum
27 de agosto de 2019, 14h58

“A cada revelação mais o Brasil descobre a baixeza e indignidade dos procuradores”, diz Dilma sobre Vaza Jato

A ex-presidenta classificou que os procuradores eram movidos por ódio e preconceito e se disse indignada com o conteúdo das mensagens em que os membros da Lava Jato debocham da morte de parentes de Lula

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

As novas revelações da Vaza Jato desta terça-feira (27) indignaram também a ex-presidenta Dilma Rousseff. Em reportagem publicada nesta segunda-feira pelo UOL em parceria com o The Intercept Brasil, foram expostas conversas em que o procuradores do MPF responsáveis pela Operação Lava Jato debocharam das mortes da ex-primeira dama Marisa Letícia, do neto do ex-presidente Lula, Arthur, e do irmão do ex-presidente, Vavá. Dilma classificou que os procuradores eram movidos por ódio e preconceito.

“A cada revelação do Intercept, mais o Brasil descobre, chocado, a baixeza e indignidade com que procuradores agiram para condenar Lula a qualquer custo. Foram movidos pelo ódio e o preconceito para acusá-lo sem crime, condená-lo sem provas e afastá-lo da eleição sem pudor”, publicou a ex-presidenta em seu Twitter.

A declaração de Dilma faz coro à reação de jornalistas, parlamentares, políticos e juristas, que condenaram o conteúdo das mensagens e as consideraram revoltantes e fruto de um ódio profundo dos procuradores contra o ex-presidente Lula. O caráter e a humanidade dos membros do MPF envolvidos na Lava Jato foram questionados.

Nas conversas divulgadas, procuradores consideram a morte de Arthur uma “novela” e uma “estratégia” para Lula “se humanizar”, dizem que a morte de Marisa foi uma forma de “eliminar testemunhas” e ainda classificam a tentativa de Lula de ir ao enterro do irmão Vavá como um desejo de “passear”.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum