#AnulaSTF: Internautas pedem anulação de condenações de Lula no aniversário de 1 ano da Vaza Jato

Políticos e usuários das redes sociais relembram, um ano após a primeira matéria da Vaza Jato, as articulações ilegais estabelecidas entre Moro e procuradores do Ministério Público para levar Lula à prisão

Nesta terça-feira (9) a série de reportagens do The Intercept Brasil, Vaza Jato, completa um ano. Ao longo de meses, em parceria com outros veículos de comunicação, a série trouxe à tona conversas privadas entre procuradores da Lava Jato e o ex-juiz Sérgio Moro que mostram articulações políticas e ilegais para levar o ex-presidente Lula à prisão.

Entre as inúmeras revelações, estão as de que, por exemplo, a operação Lava Jato teria inventado provas contra o ex-presidente e se utilizado, inclusive, da mídia para criar uma narrativa contra o petista. Ainda veio à tona que Moro teria orientado a forma como procuradores deveriam agir contra Lula.

Leia também: Dois meses de Vaza Jato: o que se sabe até aqui

“Um ano depois de sua primeira publicação, a série produzida inicialmente pelo The Intercept Brasil e compartilhada depois com diversos veículos de imprensa ganhou o nome de Vaza Jato e escancarou para o mundo aquilo que Lula e sua defesa já denunciavam: Moro perseguiu o ex-presidente para garantir a eleição de Jair Bolsonaro”, diz texto divulgado no site oficial do ex-presidente.

O texto acompanha ainda um abaixo-assinado para fazer pressão ao Supremo Tribunal Federal (STF) em uma ação que pede a anulação dos julgamentos que o condenaram.

A tag #AnulaSTF atingiu o topo dos assuntos mais comentados do Twitter na tarde desta terça-feira.

Avatar de Redação

Redação

Direto da Redação da Revista Fórum.