sábado, 19 set 2020
Publicidade

Conselho Nacional do Ministério Público pode abrir sindicância contra Dallagnol

Após as revelações do The Intercept Brasil, integrantes do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) acreditam que podem conseguir, por uma diferença de dois votos, reabrir a discussão sobre possíveis irregularidades de procuradores da Operação Lava Jato, de acordo com informações de Laryssa Borges, da Veja.

No final de junho, o corregedor Orlando Rochadel arquivou processo disciplinar contra Deltan Dallagnol, chefe da força-tarefa da Lava Jato. Entretanto, um recurso contra o arquivamento deve voltar à discussão em agosto.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

Conselheiros comentam que pelo cenário atual haveria oito votos favoráveis e seis contrários a uma investigação sobre as atividades dos procuradores da Lava Jato.

A abertura de uma sindicância contra Dallagnol e os outros procuradores envolvidos é incentivada por ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.