terça-feira, 22 set 2020
Publicidade

Em reunião com Dallagnol e mais sete procuradores, Raquel Dodge garante apoio à Lava Jato

Raquel Dodge, procuradora-geral da República, esteve reunida nesta terça-feira (16) com oito integrantes da Lava Jato em Brasília. A medida foi tomada depois dos vazamentos do The Intercept, que comprometeram ainda mais o coordenador da força-tarefa, Deltan Dallagnol. No entanto, Dodge prometeu apoio institucional e administrativo à investigação da operação.

A demonstração de apoio deixa claro que não ocorreu, por parte da PGR, críticas veementes ao comportamento dos procuradores, especialmente Dallagnol.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

De acordo com informações de Leandro Prazeres, de O Globo, a reunião entre Dodge e os procuradores durou cerca de três horas e terminou por volta das 17h40. Estiveram presentes oito integrantes da força-tarefa da Lava Jato no Paraná, entre eles Deltan Dallagnol e Roberson Pozzobon.

Em silêncio

Diante do escândalo da Vaza Jato, nem Dodge e nem os procuradores deram declarações à imprensa após o encontro. Os procuradores chegaram à PGR escondidos e deixaram o prédio sem serem vistos pela imprensa.

Há quatro dias, o procurador José Alfredo de Paula pediu exoneração do cargo de coordenador da Lava Jato junto à PGR, agravando ainda mais a crise em meio aos vazamentos.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.