sábado, 19 set 2020
Publicidade

Pesquisa do mercado diz que 43% não veem excessos no que Vaza Jato revela sobre Moro e Dallagnol

Uma pesquisa realizada pela consultora XP Investimentos, em parceria com o Ipespe (Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas), e publicada neste sábado (6), tentou medir a opinião dos brasileiros com relação à Lava Jato, após quatro semanas de revelações feitas pelo portal The Intercept Brasil, mostrando o conluio entre o então juiz Sérgio Moro e a equipe de procuradores da Operação Lava Jato para conseguir efeitos jurídicos e políticos, especialmente contra o PT (Partido dos Trabalhadores) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Os números mostram que 43% dos entrevistados acredita que a Lava Jato não cometeu excessos no combate à corrupção. Já para 33% da população, a Lava Jato teve sim irregularidades, e algumas das suas decisões deveriam ser revisadas. Além disso, outros 15% reconhecem os excessos, mas consideram que o resultado produzido pela Operação valeu a pena. Os que preferiram não opinar foram 9%.

Outra questão levantada diz respeito à percepção das pessoas sobre os efeitos das revelações do The Intercept Brasil. Segundo a pesquisa, 51% acham que não haverá mudanças na opinão das pessoas a respeito da Operação Lava Jato. Outros 25% avaliam que mudará para pior, enquanto 14% pensam que mudará para melhor.

A pesquisa foi realizada entre 1 e 3 de julho, e sua margem de erro da pesquisa é de 3,2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.