Fórumcast, o podcast da Fórum
18 de julho de 2019, 09h30

Revista Veja trará novas denúncias do conluio entre Moro e procuradores da Lava Jato

Após fazer mea culpa e publicar a primeira reportagem, que revela que Moro comemorou denúncia contra Lula, a revista Veja finaliza material que deve implicar em mais provas da parcialidade e ilegalidade do ex-juiz e atual ministro de Bolsonaro frente à Lava Jato

Depois de fazer mea culpa e confessar que errou ao tratar Sergio Moro como herói no passado, a revista Veja finaliza nova reportagem que virá com artilharia pesada contra o ex-juiz da Lava Jato e atual ministro da Justiça de Jair Bolsonaro (PSL) nesta sexta-feira (19).

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo
A reportagem, que está sendo aguardada com expectativa no meio jornalístico, deve aprofundar ainda mais o fosso em que Moro está acuado e inibir ainda mais o discurso dos lavajatistas, de que se tratam de conversas editadas para atingir os investigadores da força-tarefa.

Na reportagem da edição divulgada no último dia 5, a revista Veja revelou que Moro comemorou a proximidade da denúncia contra o ex-presidente após receber a informação do procurador chefe da Lava Jato, Deltan Dallagnol. Moro respondeu com um emotion de felicidade e a frase: “um bom dia afinal”.

Na edição, a Veja comprovou a veracidade de mensagens vazadas por fonte anônima ao Intercept e apontou que o caso é ainda mais grave do que havia sido publicado até o momento. Segundo a matéria, “Moro cometeu, sim, irregularidades” e “comportou-se como chefe do Ministério Público Federal, posição incompatível com a neutralidade exigida de um magistrado”.

Segundo a revista, através de análise de 649 551 mensagens, fica claro que Moro atuou como chefe do MPF, pedindo a inclusão de provas em processos, mandando acelerar ou retardar operações e fazendo pressão contra delações.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum