Fórumcast, o podcast da Fórum
06 de agosto de 2019, 16h24

“Se isso não tiver consequência, nada mais terá. A República à mercê de delinquentes”, diz Haddad

Em novas conversas da Vaza Jato, procuradores planejaram acionar investigadores na Suíça para tentar reunir munição contra Gilmar Mendes

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

O ex-ministro Fernando Haddad (PT) foi ao Twitter para reagir aos novos diálogos comprometedores, envolvendo procuradores da Operação Lava Jato, nesta terça-feira (6).

“Se isso não tiver consequência, nada mais terá. A República à mercê de delinquentes”, postou Haddad.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo.

Em nova parceria, agora com o jornal espanhol El País, o site The Intercept, de Glenn Greenwald, divulgou mais uma parte do material da Vaza Jato.

Nas conversas, procuradores da Lava Jato planejaram acionar investigadores na Suíça para tentar reunir munição contra Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). O objetivo era pedir a suspeição ou até o impeachment do magistrado.

De acordo com a reportagem, Dallagnol comenta saber de “um boato” ouvido de procuradores paulistas de que parte do dinheiro mantido por Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, operador financeiro do PSDB, em contas no exterior pertenceria a Mendes. “Mas esse boato existe mesmo?”, pergunta o procurador Athayde Ribeiro da Costa.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum