sexta-feira, 18 set 2020
Publicidade

Subprocurador do TCU quer apuração para saber se Coaf investiga Glenn Greenwald: “Ilegalidade””

O subprocurador-geral do Ministério Público no Tribunal de Contas da União (TCU), Lucas Rocha Furtado, pediu que o TCU investigue se o Coaf está realmente analisando as contas do jornalista Glenn Greenwald, editor do The Intercept Brasil. Ele considera que se isso estiver acontecendo se trata de uma “retaliação” e um “desvio de função”.

Inscreva-se no nosso Canal do YouTube, ative o sininho e passe a assistir ao nosso conteúdo exclusivo

Segundo a jornalistas Mônica Bergamo, da Folha, Furtado enviou requerimento ao TCU pediu apuração de “ocorrência de ilegalidades” afirmando que uma iniciativa do Coaf nesse sentido seria “retaliação à divulgação das mensagens” na Vaza Jato e um “flagrante desvio de finalidade pública”.

A suposta investigação às contas de Glenn foi anunciada pelo site O Antagonista, que atua quase como um porta-voz da Lava Jato. A Polícia Federal não comentou o caso, que já recebeu rechaço de jornalistas do Brasil e do mundo. O editor do Intercept ainda disse que não vai se intimidar com o caso.

Redação
Redação
Direto da Redação da Revista Fórum.