Fórumcast, o podcast da Fórum
25 de março de 2018, 11h33

Vereador do RS será investigado após chamar Agnaldo Timóteo de “macaco gordo”

A declaração do vereador de Elario Carlos Jahn (PMDB), da cidade de Parobé, se deu como resposta a um vídeo divulgado por Agnaldo Timóteo em que o cantor chama sulistas de "miseráveis", "ingratos" e "elitistas" por atacarem o ex-presidente Lula

A Câmara dos Vereadores de Parobé, cidade a 80 km de Porto Alegre (RS), instaurou na última quinta-feira (22) uma Comissão de Ética para apurar possível quebra de decoro parlamentar do vereador Elario Carlos Jahn (PMDB). Na terça-feira (20), em discurso proferido no plenário, Jahn chamou o cantor Agnaldo Timóteo de “macaco gordo”. Sua fala se deu como resposta a um vídeo divulgado pelo cantor em que diz que sulistas são “miseráveis”, “ingratos” e “elitistas” por atacarem o ex-presidente Lula.

“Não podia deixar de comentar. Aquele macaco gordo do Agnaldo Timóteo que bateu em nós, gaúchos. A gente não pode levar laço dum cara, né? Se ele vier a Parobé, quiser fazer um showzinho, nem de helicóptero ele não sai. Pode ter certeza”, afirmou o emedebista.

Antes da declaração de Elario, no entanto, Agnaldo Timóteo já havia divulgado um novo vídeo se retratando com os sulistas. “Estou aqui para me retratar da minha conduta irresponsável, babaca, grosseira relacionada aos povos do Sul. Não tinha e não tenho nenhum direito de ser desrespeitoso com meus concidadãos brasileiros. Evidentemente que a minha reação grosseira partiu de muitas agressões que recebi”.

Em nota enviada ao portal G1, o vereador também pediu desculpas: “Quero aqui me retratar com toda a comunidade negra, e deixar claro que de maneira alguma tive o intuito de ofender ou descriminar alguém, tenho grandes amigos nesta comunidade”.

O vídeo que registrou o vereador chamando Agnaldo Timóteo de “macaco gordo” foi retirado dos canais da Câmara dos Vereadores da cidade por conter mensagens impróprias. Já o vídeo em que o cantor sai em defesa de Lula e chama os sulistas de “ingratos” continua circulando nas redes sociais.

Assista.


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum