Fórumcast, o podcast da Fórum
23 de abril de 2019, 18h40

Vice-governador de MG usa helicóptero do estado para voltar de spa de luxo

Durante a campanha, Romeu Zema, único governador eleito pelo Novo em 2018, prometeu não usar aeronaves do estado

Foto: Divulgação

O vice-governador de Minas Gerais, Paulo Brant (Partido Novo), e sua esposa, Alexia Paiva, utilizaram um helicóptero do estado para o deslocamento de um spa de luxo em Macacos, em Nova Lima, para Ouro Preto, durante o período do feriado de Páscoa. As informações são do jornal O Tempo.

Conforme a assessoria do governo mineiro, o casal estava hospedado no Espaço Águas Claras, local que ficaria na rota área do compromisso de Brant, o que justificaria o uso da aeronave oficial do estado até Ouro Preto, onde foi realizada a cerimônia de entrega da “Medalha da Inconfidência”.

Durante a campanha, Romeu Zema, único governador eleito pelo Novo em 2018, prometeu não usar aviões do estado.

Nota

O governo de Minas divulgou uma nota:

Levando em consideração questões de segurança, tempo e mobilidade chegou-se à conclusão de que o governador precisa locomover-se também em aeronaves do Estado. Isso será feito prezando a economicidade e respeitando o dinheiro público. 

O Governador precisa de agilidade para se locomover. Tendo em vista a extensão territorial do Estado, com 853 municípios, e uma agenda de compromissos extensa, conforme as necessidades do Estado, é imprescindível o uso das aeronaves oficiais. 

O Governador de Minas assumiu o compromisso de acabar com a frota aérea que ficava à disposição dos governantes e está fazendo isso. O Estado já vendeu duas aeronaves e transferiu outras duas para a COMAVE – Comando de Aviação do Estado da Polícia Militar de Minas Gerais. 

Respeito, austeridade, transparência, compromisso e responsabilidade com o caixa do Estado são as premissas que norteiam a administração do Governo do Estado de Minas Gerais.

 


Quantas matérias por dia você lê da Fórum?

Você já pensou nisso? Em quantas vezes por dia você lê conteúdos esclarecedores, sérios, comprometidos com os interesses do povo e a soberania do Brasil e que têm a assinatura da Fórum? Pois então, que tal fazer parte do grupo que apoia este projeto? Que tal contribuir pra que ele fique cada vez maior. Bora lá. Apoie já.

Apoie a Fórum